Acessibilidade

Tamanho da Fonte

Alto contraste
Ir para o conteúdo 1 Ir para o menu 2 Ir para o rodapé 3
TCE/TO > Sala de imprensa > Notícias > Resultados do Perfil de Liderança são apresentados aos servidores da Corte de Contas

Resultados do Perfil de Liderança são apresentados aos servidores da Corte de Contas

12 Visualizações
Publicado: 17 de dezembro de 2018 - Última Alteração: 7 de abril de 2020

Tamanho da Fonte

Programa integra o Planejamento Estratégico 2016/2021.

O Tribunal de Contas do Estado do Tocantins (TCE/TO) realizou, na tarde desta segunda-feira, 17, encontro para divulgação dos Resultados do Perfil de Liderança, ação que integra o Programa de Desenvolvimento de Lideranças (PDL). Ao todo, participaram do programa, 70 lideranças (chefes de gabinete, assessores especiais, diretores, chefes de divisão e coordenadores) da Corte de Contas.

 

As psicólogas e especialistas em Gestão de Pessoas, Cecília Parreira Neto e Kariolana Carvalho de Sousa, foram as instrutoras do programa e aplicaram os instrumentos: avaliação anamnese, testagem psicológica, observação sistemática e ciclo de oficinas no desenvolvimento do PDL.

 

O programa foi lançado no dia 3 de abril, sendo dividido em três módulos. No primeiro módulo do programa houve os atendimentos individuais, onde foram aplicadas avaliações psicológicas e devolutivas sigilosas para os servidores. No segundo módulo, os participantes foram distribuídos em três grupos para discutir o resgate histórico, social e político dos líderes, além das diretrizes, regulamento interno e o código de ética do TCE/TO. A Comunicação Efetiva e Pessoal, Padrões de Comportamento, Atuação e Perfil de Liderança foram abordados no terceiro módulo.

 

Segundo o levantamento, os resultados estão dentro da média para a maior parte dos fatores avaliados (neuroticismo, extroversão e socialização, entre outros). Necessidade de treinamento e desenvolvimento, modernização da gestão e busca constante por aperfeiçoamento, estão entre as conclusões apontadas.

 

“As avaliações contribuíram muito para o autoconhecimento individual dos participantes de perceber a sua produtividade, o ritmo dessa produção, como são as suas interações sociais, até os níveis de agressividade. Aumentando a percepção de si e do outro e o perfil atual e o ideal”, relata a psicóloga Kariolana Carvalho de Sousa.

 

Ao destacar que o PDL integra o Planejamento Estratégico 2016/2021, o presidente do TCE/TO, conselheiro Manoel Pires dos Santos, agradeceu a disposição e o empenho dos servidores em trabalhar para melhorar a estrutura do Tribunal de Contas. “Nesses quatro anos de minha gestão, os servidores foram a peça fundamental para o sucesso da Corte de Contas”, ressaltou.

 

Para a diretora de Recursos Humanos, Osmarina Rodrigues Andrade, o programa é uma realização muito positiva para a Corte de Contas e para os próprios servidores, porque traz uma autorreflexão dos participantes como o posicionamento da gestão. “Com o programa serão abertos novos caminhos para os gestores e um constante repensar das nossas práticas, possibilitando uma melhora nas nossas relações interpessoais”, afirmou.

 

“Essa avaliação foi muito importante para detectar os meus pontos fortes e as fraquezas, tanto pessoais quanto profissionais que precisam ser trabalhados”, relatou o coordenador do Banco de Dados, Halisson Vieira.