Acessibilidade

Tamanho da Fonte

Alto contraste
Ir para o conteúdo 1 Ir para o menu 2 Ir para o rodapé 3
TCE/TO > Sala de imprensa > Notícias > IRB promove capacitação em parceria com Instituto Argentino

IRB promove capacitação em parceria com Instituto Argentino

152 Visualizações
Publicado: 3 de setembro de 2012 - Última Alteração: 3 de setembro de 2012

Tamanho da Fonte

Intitulado o Programa a Distância de Capacitação em Ética e Responsabilidade no Serviço Público, o curso foi aberto oficialmente nesta sexta-feira, 31, na capital argentina, na sede da Sindicatura General de La Nacion (SIGEN).

“Causas e perspectivas da crise econômica mundial”, “Situação da América Latina e seus desafios” e “O papel do Estado na América Latina e a situação da economia na região”. Estas são algumas das matérias do curso, organizado pelo Instituto Superior de Controle da Gestão Pública (ISCGP), da Argentina, com apoio do Instituto Rui Barbosa (IRB), que vai capacitar servidores dos Tribunais de Contas.
Intitulado o Programa a Distância de Capacitação em Ética e Responsabilidade no Serviço Público, o curso foi aberto oficialmente nesta sexta-feira, 31, na capital argentina, na sede da Sindicatura General de La Nacion (SIGEN).

O presidente do IRB e do Tribunal de Contas do Estado do Tocantins (TCE/TO), Severiano Costandrade, participou da cerimônia de lançamento e destacou a importância da parceria. “Apenas dois meses depois de acertarmos essa iniciativa, conseguimos colocá-la em prática. Planejar é importante, mas é preciso realizar”, disse. Além do conselheiro Severiano, marcaram presença o Síndico-Geral da Nação, Daniel Reposo, e o diretor do ISCGP, Raul Baridó.

A cerimônia foi transmitida ao vivo pela internet, no site do ISCGP.

O Programa

O curso é oferecido pelo ISCGP e por meio da parceria firmada com o Instituto Rui Barbosa (IRB) – com apoio da Associação das Entidades Oficiais de Controle Externo do Mercosul (ASUR) e Associação dos Membros dos Tribunais de Contas do Brasil (ATRICON), foram abertas 33 vagas para técnicos de Tribunais de Contas do Brasil participarem do curso.

O programa é desenvolvido pela modalidade virtual. A duração estimada é de quatro meses. A metodologia de trabalho consiste na leitura e compreensão de bibliografia e respostas aos questionamentos sobre a temática do curso. Através de fóruns de debates se realizará o intercâmbio entre docentes e estudantes, proporcionando conhecimento colaborativo.

Parceria

A parceria ainda prevê uma nova capacitação para 2013, desta vez, realizado no Brasil. O treinamento será sobre Auditoria Operacional, que visa avaliar a eficiência e efetividade de programas e atividades governamentais.