Acessibilidade

Tamanho da Fonte

Alto contraste
Ir para o conteúdo 1 Ir para o menu 2 Ir para o rodapé 3
TCE/TO > Sala de imprensa > Notícias > Biblioteca do TCE disponibiliza Coleção Acessibilidade de Dorina Nowill

Biblioteca do TCE disponibiliza Coleção Acessibilidade de Dorina Nowill

15 Visualizações
Publicado: 28 de maio de 2019 - Última Alteração: 28 de maio de 2019

Tamanho da Fonte

A mulher que enxergava o mundo com os olhos da alma comemoraria 100 anos hoje

Dorina de Gouvea Nowill é a homenageada da página do Google desta terça-feira,28, quando é comemorado o centenário da educadora brasileira que tinha como compromisso social a garantia do direito à leitura inclusiva de pessoas com deficiência visual. O Tribunal de Contas do Tocantins (TCE/TO), por meio do Instituto de Contas 5 de Outubro, disponibiliza a Coleção Acessibilidade doados pela fundação Dorina Nowill e livros em braille que foram doados pelo Senado federal.

IMG 0824

O acervo, que conta com 111 obras de leitura inclusiva, é formado pelos seguintes formatos de livros:  totalmente em braile, em braille e em fonte ampliada, audiolivros, livros falados e livros em formato Daisy.

 

Dorina Nowill nasceu em 28 de maio de 1919 e faleceu em 29 de agosto de 2010, aos 91 anos, em São Paulo. A página do Google mostra o rosto da centenária na frente da marca do site escrita em braile.

 

Quem tiver interesse em conhecer e se aprofundar um pouco mais nas obras de Dorina disponíveis na biblioteca do Instituto de Contas pode visitar nos seguintes horários: para os servidores das 9h às 18h. Os visitantes podem ter acesso aos conteúdos das 12h às 18h.

 dorina

Dorina de Gouvêa Nowill

Educadora de formação, Dorina trabalhou intensamente para a criação e implantação de instituições, leis e campanhas em prol dos deficientes visuais e pelo seu trabalho foi diversas vezes reconhecida e premiada.

Dorina Nowill ficou cega aos 17 anos em virtude de uma infecção ocular, que ocasionou uma hemorragia. A cegueira, contudo, não a impediu que seguisse carreira na área da educação.

 

Madrinha da campanha “Acessibilidade: Siga Esta Ideia”, da prefeitura de São Paulo, Dorina sempre lutou para o desenvolvimento pleno e pela inclusão social das pessoas com deficiência visual. Por isso, sua fundação trabalha há mais de 70 anos para facilitar a inclusão social de pessoas cegas e com baixa visão, por meio de produtos e serviços especializados. Ela foi considerada pela Revista Época um dos 100 brasileiros mais influentes do ano de 2009.

 

Dorina Nowill faleceu no dia 29 de agosto de 2010 aos 91 anos, vitimada por uma parada cardíaca, em São Paulo.

Livros em formato Daisy

O Daisy (Digital Accessible Information System – sistema de informação digital acessível) é um sistema de livros digitais sonoros que tem como objetivo ajudar deficientes visuais ou qualquer outra pessoa que possua dificuldade de acesso a materiais escritos tradicionais, se caracterizando como mais uma ferramenta na inclusão no mundo da leitura.