Acessibilidade

Tamanho da Fonte

Alto contraste
Ir para o conteúdo 1 Ir para o menu 2 Ir para o rodapé 3
TCE/TO > Sala de imprensa > Notícias > Acadêmicos participam de capacitação para a fiscalização de obras públicas

Acadêmicos participam de capacitação para a fiscalização de obras públicas

9 Visualizações
Publicado: 18 de maio de 2018 - Última Alteração: 7 de abril de 2020

Tamanho da Fonte

Ação faz parte da programação da Semana do Controle Social.

 

Como parte da programação da Semana do Controle Social, promovida pelo Tribunal de Contas do Tocantins (TCE/TO), em comemoração aos seis anos de implementação da Lei de Acesso à Informação, os acadêmicos de Engenharia Civil do Instituto Federal do Tocantins (IFTO) e da faculdade ITPAC de Porto Nacional, participaram na tarde desta sexta-feira,18, de um curso sobre a fiscalização de obras públicas.

 

Na oportunidade, os alunos aprenderam conceitos básicos de licitação, editais, modalidades, regimes de contratação e acesso ao Sistema Integrado de Controle e Auditoria Pública (SICAP) módulo Licitações, Contratos e Obras (LCO) para analisar obras realizadas com o dinheiro público, exercendo o Controle Social.

 

“Estamos utilizando um público especializado, que são alunos de Engenharia Civil, ensinando a exercerem seu papel como cidadão. Vão entrar no sistema do Tribunal, verificar os processos na área deles e identificar possíveis irregularidades”, pontuou o auditor de Controle Externo do TCE/TO e também professor do IFTO, Thiago Dias de Araújo e Silva.

 

A acadêmica de Engenharia Civil do ITPAC, Cleide Alves de Carvalho, ressalta que o curso é uma ótima oportunidade para adquirir conhecimento, além de ajudar a fiscalizar os recursos públicos. “A gente está bastante feliz por ter acesso a essas informações e conhecimentos que a gente não tem no dia a dia”, finalizou.  

 

Além do curso, os acadêmicos conheceram o Memorial do TCE/TO, no dia em que se comemora o Dia Internacional dos Museus, acompanhados pela servidora Márcia Barbosa, que apresentou todos os elementos que fazem parte da história da Corte de Contas do Tocantins.

 

“Essa data é uma oportunidade para aproximar e divulgar o papel do memorial ao público em geral. O Memorial tem que servir a sociedade de alguma forma e essa forma é justamente abrindo as portas e se tornando espaço para que outras pessoas possam entrar e sair com um novo conhecimento”, explicou Márcia.

 

A visita ainda teve passagem pela Biblioteca, no qual os alunos tiveram acesso ao acervo literário do TCE, além da palestra sobre como acionar a Ouvidoria, com a servidora Carolina de Paula.