Acessibilidade

Tamanho da Fonte

Alto contraste
Ir para o conteúdo 1 Ir para o menu 2 Ir para o rodapé 3
TCE/TO > Sala de imprensa > Notícias > TCE/TO integra Comitê de Crise para Prevenção do novo coronavírus no Tocantins

TCE/TO integra Comitê de Crise para Prevenção do novo coronavírus no Tocantins

27 Visualizações
Publicado: 13 de março de 2020 - Última Alteração: 13 de março de 2020

Tamanho da Fonte

Grupo foi instituído nesta quinta-feira,12, pelo governo do Estado e conta com a participação de vários órgãos

Instituído pelo governo do Estado na tarde desta quinta-feira,12, o Comitê de Crise para Prevenção do Vírus Covid-19, conta com a participação do Tribunal de Contas do Tocantins (TCE/TO) que, representado pelo chefe de gabinete da presidência, Marcelo Olímpio Tavares, assinou o Protocolo de Adesão, durante reunião realizada no Palácio Araguaia, que contou com a presença de vários poderes. 

 

Na ocasião o governador Mauro Carlesse informou que “desde as primeiras notícias sobre a propagação do coronavírus, a equipe do governo já começou a se preparar para estabelecer os procedimentos necessários para cuidar dos pacientes e acompanhar os casos suspeitos. A implantação deste Gabinete de Crise, com os representantes de outros órgãos e poderes, é mais uma ação no sentido de debater, trocar experiências e ouvir o que cada ente pode colaborar para que os efeitos do Covid-19 sobre a população do Tocantins sejam o menos impactante possível”, destacou Carlesse. 

 

Diante do cenário e das orientações de prevenção da Organização Mundial de Saúde (OMS), o TCE/TO anunciou também nesta quinta-feira,12, a suspensão de três eventos que aconteceriam na próxima semana com a aglomeração de mais de cem pessoas, são eles: “Ouvidoria Day”, “TCE + Ação Capacita” e “Perspectivas e Desafios da Advocacia nos TCs” que aconteceriam dias 16, 17 e 24 de março (veja mais no link). 

 

Comitê 

 

A implantação do Comitê de Crise para Prevenção do Vírus Covid-19 instituído pelo governo do Estado visa intensificar ações preventivas e de monitoramento do vírus Covid-19, conhecido popularmente como novo coronavírus. Além dos órgãos de fiscalização e controle, fazem parte do grupo as secretarias e autarquias do Estado, as forças policiais estaduais e federais, Tribunal de Contas do Tocantins, Poder Judiciário, Assembleia Legislativa, Defensoria Pública e Ordem dos Advogados do Brasil – seccional Tocantins. 

 

Novo Coronavírus 

 

Coronavírus é o nome de uma grande família de vírus com uma estrutura em formato de coroa, conhecida desde 1960. Eles causam infecções respiratórias e já provocaram outras doenças como a Síndrome Respiratória Aguda Grave (Sars) e a Síndrome Respiratória do Oriente Médio (Mers). 

 

A doença causada pelo novo coronavírus recebeu o nome de Covid-19. Ela foi descoberta no final de dezembro de 2019, na China. Nessa quarta-feira, 11, a Organização Mundial da Saúde (OMS) declarou pandemia de coronavírus. 

 

De acordo com informações do Ministério da Saúde e governo do Estado, o Tocantins até esta quinta-feira,12, não contava com nenhum caso do novo coronavírus. 

 

Presenças 

 

Além do governador Mauro Carlesse, estiveram presentes na reunião também os secretários de Estado da Fazenda e Planejamento, Sandro Armando; Executiva da Governadoria, Divino Allan; da Comunicação, Elcio Mendes; da Administração, Bruno Barreto; de Assuntos Parlamentares, José Humberto Marquez Pereira; o comandante-geral da Casa Militar, coronel Silva Neto; o comandante-geral da Polícia Militar (PM), coronel Jaizon Veras; o chefe de Gabinete da Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes (Seduc), Rômulo Júnior; a deputada estadual Valderez Castelo Branco; o chefe de gabinete da presidência do TCE/TO, Marcelo Olímpio Tavares; o diretor-geral do Tribunal de Justiça (TJ/TO), Jonas Demóstenes Ramos; a procuradora-geral do Ministério Público Estadual (MPE), Maria Cotinha; o defensor público geral da Defensoria Pública (DPE/TO), Jonas Monteiro da Silva; o conselheiro-geral da Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Tocantins (OAB/TO), Alessandro Canedo; o superintendente da Polícia Rodoviária Federal (PRF/TO), Hallison Melo; e o delegado Regional da Polícia Federal (PF), Marcílio Manfre Afonso.

 

Foto: Marcelo de Deus – Ascom MPE 

Texto: Com informações da Secom do Governo e Ascom MPE