Acessibilidade

Tamanho da Fonte

Alto contraste
Ir para o conteúdo 1 Ir para o menu 2 Ir para o rodapé 3
TCE/TO > Sala de imprensa > Notícias > TCE se reúne com município para conferir ações de imunização contra Covid-19

TCE se reúne com município para conferir ações de imunização contra Covid-19

47 Visualizações
Publicado: 28 de abril de 2021 - Última Alteração: 28 de abril de 2021

Tamanho da Fonte

Por videoconferência, equipe do Tribunal conversou com secretária da Saúde de Oliveira de Fátima

O Tribunal de Contas do Tocantins (TCE/TO), por meio da Coordenadoria de Auditorias Especiais (Coaes), realizou uma videoconferência com o município de Oliveira de Fátima para acompanhar todo o processo de imunização contra o vírus da Covid-19. O Objetivo é saber quais ações estão sendo desenvolvidas, locais de vacinação, estratégias, desafios, boas práticas e a interação com a Secretaria Estadual da Saúde. O trabalho da Corte faz parte do cumprimento do Plano Anual de Fiscalização (PAF).

Segundo Lígia Cássia Braga, coordenadora da Coaes do TCE, a secretária da Saúde do município, Dalma Dias Reis, foi quem passou as informações e atendeu a equipe do Tribunal, direto da Unidade Básica de Saúde (UBS) – Valdemir Pitombeira da Costa, local onde ocorre a vacinação. “Por meio de imagem de vídeo, conhecemos a estrutura da sala de vacinas e os profissionais responsáveis pela imunização”, destacou Lígia. A auditora de Controle Externo Cláudia de Oliveira Vieira também participou da reunião. 

O número de casos da Covid-19 em Oliveira de Fátima entre 2020 e 2021 é de 113. O município já recebeu 370 doses até o momento e vacinou com a primeira todo o grupo de 80 anos ou mais, de 79 a 70 anos, de 69 a 65 anos, profissionais de saúde e agentes de segurança. Agora, estão vacinando a faixa etária de 64 a 60 anos. A 2ª dose tem sido aplicada regularmente a todos, seguindo o protocolo de cada imunizante.

De acordo com Lígia, a secretária explicou que foi elaborado um Plano de Imunização pelo município, onde ao final de todos os dias de vacinação, as informações das pessoas vacinadas são alimentadas no Sistema de Informação do Programa Nacional de Imunização (SIPNI/MS).

“Esta tempestividade na alimentação do Sistema permite monitorar o avanço da vacinação em cada etapa, avaliar o alcance da população-alvo e o monitoramento da cobertura vacinal para que, quando necessária, a adoção de medidas de correção, revisão de ação específica, inclusive de comunicação e/ou mobilização”.

A coordenadora relata que ainda não há uma efetiva transparência na divulgação da população vacinada, mas já disponibilizam no site do município o “Vacinômetro” com o quantitativo de doses recebidas e aplicadas por grupo prioritário.

“Após a reunião, com as orientações da equipe, a gestora garantiu que dará maior transparência nas informações, tanto da imunização quanto de todas as ações contra a Covid-19, de modo que garanta maior acessibilidade a população”.

Ainda de acordo com Lígia, a vacinação contra a Covid-19 é muito importante para a saúde da população e diante da pequena quantidade de vacinas até agora disponibilizadas, a preocupação fundamental é que elas sejam aplicadas de maneira criteriosa.

Ela ressalta que o TCE está atuando no sentido de auxiliar a autoridade sanitária municipal no combate à Covid-19 e garantir que a população seja informada sobre as etapas da imunização. “Estamos inovando e buscando estratégias para estarmos juntos com os gestores. Só com a união de todos, neste momento tão complicado, é que vamos vencer esta batalha”, afirmou a coordenadora da Coaes.

A reunião coordenada pela equipe da Coaes contou com a participação da Coordenadoria de Apoio Técnico (Coapt). A mesma metodologia será aplicada em outros municípios.