Acessibilidade

Tamanho da Fonte

Alto contraste
Ir para o conteúdo 1 Ir para o menu 2 Ir para o rodapé 3
TCE/TO > Sala de imprensa > Notícias > Deixe o preconceito e os tabus de lado e previna-se contra o câncer de próstata

Deixe o preconceito e os tabus de lado e previna-se contra o câncer de próstata

503 Visualizações
Publicado: 1 de novembro de 2021 - Última Alteração: 3 de novembro de 2021

Tamanho da Fonte

TCE/TO adere à campanha Novembro Azul e conta a história de superação do conselheiro Manoel Pires

“Não deixem o preconceito vencer o câncer”. Essa frase é do conselheiro do Tribunal de Contas do Tocantins (TCE/TO) Manoel Pires dos Santos, titular da Primeira Relatoria e que recentemente passou por um processo cirúrgico na próstata, após identificar alterações em seus exames de rotina. E é com foco na frase dele que a Corte adere à mais uma campanha do Novembro Azul, que começa hoje.

O objetivo é chamar a atenção para prevenção e o diagnóstico precoce de doenças que atingem a população masculina, despertando os servidores para essa realidade que atinge milhares de homens em todo o país.

O conselheiro Manoel Pires conta que após sofrer um Acidente Vascular Cerebral (AVC) em março deste ano, ampliou seus exames de rotina e em um desses, descobriu uma hérnia inguinal próximo a virilha. “Depois dessa descoberta, o médico pediu exames complementares, foi aí que ele identificou alteração na próstata. Já era o início de um tumor”, conta. E complementa: “na mesma hora o médico disse que teria que fazer outros exames, inclusive o de toque. Respondi que não teria problemas, que faria o que fosse preciso para me curar”, enfatizou.

Manoel Pires revela que as decisões tomadas por ele e sua família de forma rápida, consciente e sem preconceitos, fez toda diferença para que o tratamento começasse o quanto antes. “Não deixei que nenhum tipo de preconceito atrapalhasse o andamento do processo, já que a biópsia revelou que o tumor estava em evolução e poderia se agravar caso nada fosse feito”, revelou.

Foram momentos difíceis para o conselheiro e toda sua família até o final do processo cirúrgico que foi um sucesso. No mesmo procedimento foi feita a retirada do tumor e a correção da hérnia inguinal. “Estou bem graças a Deus e me recuperando para voltar mais forte! Agora, quero chamar a atenção de todos os homens para que não tenham preconceito, principalmente com o exame de toque que pode salvar vidas. Esse exame indolor ajudou na minha cura e me livrou de uma situação pior. Então, não deixe o preconceito vencer o câncer”, destacou Manoel Pires.  

O Tribunal fará durante o mês várias ações de conscientização e prevenção em alusão ao Novembro Azul e o conselheiro Manoel Pires é um dos personagens que abraçaram essa campanha. Além disso, a Corte fará a arrecadação de materiais de higiene pessoal que serão doados a instituições de combate ao Câncer.

Fique por dentro das redes do TCE para acompanhar os trabalhos de conscientização. Assista o primeiro vídeo aqui.

Novembro Azul

É um movimento mundial que acontece durante o mês de novembro para reforçar a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de próstata. Tem como objetivo conscientizar a respeito do câncer de próstata, incentivando a sua prevenção. Afinal, esse tema ainda é cercado por muitos tabus e os seus dados são alarmantes.

No Brasil, segundo Instituto Nacional de Câncer (INCA), o câncer de próstata é o segundo mais comum entre os homens (atrás apenas do câncer de pele não-melanoma). Em valores absolutos e considerando ambos os sexos, é o segundo tipo mais comum. A estimativa de novos casos de câncer de próstata a cada ano é de 65.840 casos novos (INCA). No Brasil de acordo sistema de Informação sobre Mortalidade por câncer (SIM), o número de mortes foram 15.576, em 2019.